No último fim de semana, piratas na região do Médio Solimões, no interior do Amazonas, fizeram um arrastão em dez flutuantes que ficam na comunidade Bom Jesus, na zona rural de Codajás (distante 239 km de Manaus em linha reta).

Fortemente armados, os piratas invadiram as casas nos flutuantes e roubaram aparelhos de TV, rádios, dinheiro e alimentos dos ribeirinhos e trabalhadores rurais.

Ao fugir do local, os piratas atiraram contra crianças e idosos, que tiveram que se jogar na água para não serem atingidos pelos disparos. A ação cada vez mais violenta de piratas nos municípios de Codajás, Tefé (distante 522 km da Capital), Coari (362 km), Anamã (161 km) e Anori (194 km) foi denunciada pelo deputado estadual Fausto Jr (PRTB).

De acordo com Fausto Jr, a região do Médio Solimões é disputada por traficantes de drogas, o que causa o aumento da violência e a disputa por território.