No período de 18 a 22/4, a Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam) irá intensificar a fiscalização dos transportes intermunicipais coletivos de passageiros nas principais entradas e saídas da capital. A Operação visa coibir o fluxo de veículos clandestinos durante o feriado da Semana Santa.

Durante as abordagens, serão conferidos documentações e itens de segurança dos veículos, lotação de passageiros e cumprimento de algumas resoluções publicadas pela Agência. Entre elas está a que determina que, nas viagens com trechos superiores a 45 Km,  as empresas prestadoras do serviço regular intermunicipal coletivo de passageiros mantenham os toaletes internos em funcionamento adequado e à disposição dos passageiros, ou que incluam em seus trajetos paradas, de forma a proporcionar aos usuários o conforto necessário em longos percursos.

A resolução foi criada após serem registradas inúmeras denúncias, por meio da ouvidoria da Arsam, sobre a inoperância de banheiros em ônibus que realizam o transporte intermunicipal. A maioria delas denunciavam banheiros lacrados, ou seja, equipamentos em perfeitas condições de uso, porém não disponibilizados pelas empresas, obrigando os passageiros a fazerem suas necessidades fisiológicas somente no fim do percurso. A fiscalização da Arsam mudou essa prática, e os banheiros seguem inspecionados antes da partida.

Caso o passageiro viaje para outros municípios da região metropolitana através dos ônibus rodoviários fiscalizados pela agência e for notada a inoperância de banheiros no interior do veículo, ou a falta de paradas obrigatórias, o mesmo deve formalizar uma denuncia à Ouvidoria da Arsam, localizada na Rodoviária Huascar Angelim (em Manaus), através do 0800 280 8585 ou pelo whatsapp (92) 98404-1799.

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam)