A Suécia venceu a Suíça por 1×0 esta tarde, 3, na Copa do Mundo de Futebol, na Rússia e vai para as quartas de final. Tudo graças ao craque do time, Emil Forsberg, autor do gol.

A Suécia impôs sua forte marcação e conseguiu sair de campo sem ser vazada pela terceira vez na Copa, em quatro partidas. Aos 20 minutos do segundo tempo, Forsberg contou com desvio de Akanji para sair para o abraço e colocar a Suécia nas quartas, o que não acontecia há 24 anos, na Copa de 1994.

A chegada às quartas de final em 2018 é bastante representativa para a Suécia. O momento nórdico de mais glória veio lá nas primeiras edições de Copa do Mundo. No Mundial de 1938, um quarto lugar. Em 50, no Brasil, o terceiro lugar. Em 1958, quando foi anfitriã, perdeu o título para a seleção canarinha, de Pelé.

Depois do vice, a Suécia amargou décadas sem brilho até a grande campanha de terceiro lugar em 1994, nos Estados Unidos, liderada pelo meia Tomas Brolin. Desde então, havia sido eliminada duas vezes nas oitavas e só.